Ver Kandinsky grátis

Arte

A Coleção do Museu Russo de São Petersburgo, em Málaga oferecer-lhe um curso gratuito sobre Kandinsky os dias 3, 10, 17 e 24 de maio, no auditório do centro para as 18.30 horas. Inácio Araújo, bacharel em História da Arte e Mestre em Museologia e Museus, dará este ciclo intitulado ‘Kandinsky em quatro aulas’.

Kandinsky passou à história da arte, principalmente, por ser um dos pioneiros da abstração, mas, na sua obra, há também uma pintura figurativa. No curso, também será destacado a importância da música ao longo de sua vida e de criação, e aprofundar-se na sua participação dentro da Bauhaus e O cavaleiro azul.

Um museu para conhecer o artista russo

Na primeira aula, denominada ” Introdução à vida e obra de Kandinsky. A abstração’, ser revisto a biografia de Vassily Kandinsky, desde sua juventude em suas viagens pela Europa e a conquista da abstração.

Na ‘Alemanha’, a segunda lição, incidindo sobre o país que o artista fez sua primeira exposição individual, foi professor da Bauhaus, criou “O cavaleiro azul” junto com Franz Marc e conheceu seu parceiro Gabriele Münter.

O terceiro workshop, denominado ‘França’ –país onde permaneceu até sua morte–, detalhará a atração que exerciam sobre Kandisnky o fauvismo e o cubismo, que mudaram radicalmente a sua forma de pintar, asimilándolos até o ponto de chegar a abstração. Para ele, seus precursores são Cézanne, Matisse e Picasso.

Kandinsky e a música

Na última sessão, a ser revisto ‘, Kandinsky e a música’. Como Goethe e do Romantismo, o artista russo achava que a música chegasse diretamente à alma, estabelecendo um paralelismo entre as notas musicais e as cores.

Araújo é licenciado em História da Arte e Mestre em Museologia e Museus. Continuou a sua formação na Cátedra do Museu do Prado e possui estudos de pós-graduação na Universidade de Granada, na Universidade La Sapienza de Roma e da Tate Modern de Londres. Todos os cursos são de entrada livre até completar a capacidade do auditório do centro da cidade, segundo informou a câmara Municipal de Málaga, em um comunicado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *